Enquetes




PARTICIPE
 
 

Boto-Cinza: (SOTALIAGUIANENSIS)
PDF

Quem Somos
Autores
     Informações Gerais    
 
Variedades

     Agenda de Eventos


     Enquetes

    
...Editorial

  
     Links

Procura no site








    
 

  
 
                                         www.jbca.com.br

Editorial


Uma História
 

Cláudio Baptista de Carvalho
 

<<Ler na íntegra em PDF>>

..........................................................................

 

Ensaio clínico

Sinais clínicos e alterações necroscópicas em filhotes de Eunectes murinus (Linnaeus, 1758) infectados com bactérias Gram negativas multirresistentes

Paulo Roberto Bahiano Ferreira, Victor Pereira Curvelo, Leane Queiroz Souza Gondim, Gilson Oliveira Santana e Alberto Vinícius Dantas Oliveira

Em vida livre ou em conservação ex situ, relata-se uma alta taxa de mortalidade de Eunectes murinus filhotes. As bacterioses são responsáveis por altas taxas de morbidade e mortalidade em serpentes cativas, principalmente aquelas provocadas por agentes multiresistentes aos fármacos utilizados na clínica de répteis.  Sinais clínicos e alterações anatomopatológicas associados ao isolamento de bactérias multirresistentes foram descritos numa rotina de manejo de 15 filhotes de E. murinus mantidos em conservação ex situ. No decorrer do processo, após o óbito de 4/15 serpentes sem causa definida, todas foram acompanhadas clinicamente através de observações diárias, suspeitando-se de bacteriose em 5/11 indivíduos. Os animais apresentavam escamas com conteúdo caseoso, sendo coletadas e enviadas para um laboratório de referência para o diagnóstico microbiológico. As Salmonella spp., Pseudomonas aeruginosa e Citrobacter freundii apresentaram resistência para todos os antibióticos testados no antibiograma: ciprofloxacina, gentamicina, tobramicina, tetraciclina, doxiclina ou enrofloxacina.  Em contrapartida, a Pseudomonas spp. apresentou sensibilidade para todos os antibióticos anteriormente mencionados. Mesmo após o tratamento estabelecido, 90,9% (10/11) dos animais vieram a óbito, constatando infecções pulmonar e hepática em dois indivíduos necropsiados, sendo isoladas Pseudomonas aeuruginosa e Enterobacter spp. em amostras de fígado e pulmão de ambos. O isolamento de bactérias de microbiota oral e/ou intestinal de serpentes e com perfil de multirresistência, associado à doença e ao óbito de 93,3% (14/15) dos filhotes de E. murinus indica a sensibilidade dessa espécie às bacterioses por agentes oportunistas ou patogênicos Gram negativos.


<<Ler na íntegra em PDF>> 

..........................................................................

 

Artigo experimental

Indicadores comportamentais na avaliação do bem-estar de matrizes de suínos alojadas em baias individuais e piquetes coletivos
 

Tânia Mota Gonçalves, Rosemary Bastos, Rita da Trindade Nobre Soares e Djalma Sthel Torres

A preocupação com o bem-estar de animais de produção tem se tornado cada vez mais presente havendo, portanto, exigências por parte da sociedade de ações que melhorem a qualidade de vida destes animais. Este trabalho teve como objetivo avaliar o bem-estar em matrizes de suínos alojados em baias individuais e piquetes coletivos. Foram utilizadas 11 fêmeas suínas (Sus scrofa domesticus) adultas. Os animais foram alojados em baias individuais (n= 06) e em piquetes coletivos (n=05). As observações comportamentais foram realizadas de forma direta e contínua durante seis dias, sendo divididas em categorias: atividade, estereotipias, interações social e agressiva. Os animais em piquetes coletivos apresentaram maiores frequência e duração dos comportamentos de cheirar, comer e inativo (p<0,05), enquanto os animais nas baias individuais apresentaram maior duração na atividade de beber (p<0,05). As porcas em piquetes coletivos apresentaram maiores frequência e duração para o comportamento estereotípico de lamber (p<0,05) e as alojadas em baias apresentaram maiores frequência e duração no comportamento estereotípico de fuçar (p<0,05). Nos piquetes coletivos foi observada apenas a interação agressiva de empurrar e a interação social não foi observada. Os tipos de alojamentos não interferiram na atividade dos animais, apesar de alguns serem mais evidentes em determinado alojamento. Comportamentos estereotipados foram observados nos animais em piquetes coletivos e em baias individuais. A falta de interações sociais, assim como o manejo alimentar podem ter contribuído para que os animais apresentassem as estereotipias, o que indica um comprometimento no bem-estar dos animais.

<<Ler na íntegra em PDF>>

..........................................................................

 

Revisão bibliográfica

Laserterapia de baixa potência em cultivos celulares

Marta Cristina Thomas Heckler, Danielle Jaqueta Barberini e Rogério Martins Amorim

O laser é uma forma de radiação eletromagnética no espectro visível ou próximo a ele. A laserterapia de baixa intensidade pode ser definida como o uso de fontes de laser de baixa potência (LBP) para o tratamento de condições médicas e seus efeitos no metabolismo tecidual são conhecidos como bioestimulação do laser. O mecanismo básico de ação do LBP é a absorção da luz pelo tecido irradiado por meio de cromóforos encontrados dentro das mitocôndrias, transformando a energia luminosa em energia bioquímica e desencadeando reações secundárias que modulam funções celulares. Estudos têm demonstrado efeitos bioestimulatórios como cicatrização de feridas, proliferação condral, de fibroblastos, de queratinócitos, de células uroteliais e endoteliais, de mioblastos e de outros tipos celulares, síntese de colágeno, atividade anti-inflamatória, regeneração de nervos, produção de matriz óssea, síntese protéica, síntese de ATP, DNA e RNA, estímulo à diferenciação celular e aumento da expressão de fatores de crescimento e citocinas. A ação do laser já foi pesquisada em diversos tipos celulares, entre eles células-tronco, osteoblastos, mioblastos, condrócitos, fibroblastos, células hematopoiéticas e do sistema imune, células neurais, neoplásicas, entre outros. Desta forma, o objetivo do presente trabalho é realizar uma revisão da literatura existente no tema da aplicação do laser em diferentes tipos de células.
                    

<<Ler na íntegra em PDF>>

..........................................................................
 

Anais do XI Congresso Brasileiro de Cirurgia do CBCAV e I Congresso Internacional de Cirurgia do CBCAV.

* Ler em PDF

O conteúdo dos anais é de responsabilidade do CBCAV - Colégio Brasileiro de Cirurgia e Anestesiologia Veterinária.

.......................................................................................................
Utilidades: Leitor de PDF - Modelo declaração COBEA - Cessão de Direitos
.......................................................................................................
Este periódico científico é filiado à ABEC - Associação Brasileira de Editores Científicos. Por sugestão desta asssociação, a periodicidade inicial será semestral, reduzindo-se gradativamente os intervalos de tempo entre as edições de acordo com o crescimento da publicação.(www.abecbrasil.org.br)